Categorias
incentivo meta treinamento

Como definir metas para sua empresa e estimular a equipe?

Saiba como sua empresa pode estabelecer metas realistas e estabelecer incentivos que realmente vão manter a sua equipe motivada e gerando um maior número de resultados positivos. Confira!

O desejo de todo empreendedor é ver a sua empresa alcançar as metas estabelecidas com o apoio de todos os colaboradores. Entretanto, um grande desafio é definir metas assertivas e eficazes, que tragam bons resultados com o passar do tempo para a corporação e sejam atrativas para que seu time queira atingi-las.

Uma das ferramentas mais assertivas para estimular toda a equipe, são os incentivos. Ter algo que brilhe os olhos do colaborador, é indispensável e acaba sendo um chamariz para o cumprimento das metas, que podem ser de curto ou longo prazo.

Pensando nisso, preparamos esse post com algumas dicas de como sua empresa pode estabelecer metas realistas e estabelecer incentivos que realmente vão manter a sua equipe motivada e gerando um maior número de resultados positivos. Confira!

1. Amarre as metas nas estratégias da empresa

Um dos erros mais comuns das empresas ao estabelecer metas, é decidir números avulsos sem estarem atrelados ao plano estratégico da companhia.

Muitas vezes os colaboradores nem sabem o motivo daquela meta, apenas seguem uma direção que mandaram seguir, o que acaba não engajando a ponto de buscarem determinado resultado.

Por isso, para estabelecer um plano de metas eficaz para a empresa, é preciso dizer o porquê, ou seja, o propósito daquela ação, deixando claro o que a empresa e o funcionário ganham com isso.

O ideal é que a empresa tenha um plano estratégico e atrele essas metas diretamente a ele, sendo assim, nossa dica é que o primeiro passo seja compreender o objetivo macro, para então elaborar o desdobramento dessas tarefas que vão ajudar no alcance do resultado.

Desta forma, torna-se possível englobar todos os profissionais da empresa para contribuir uma parte no sucesso de toda a operação. Além de ser um ótimo meio de manter todos motivados sabendo a causa de estarem buscando atingir aquela meta.

2. Estabeleça metas realistas

Lembre-se de validar a meta estabelecida com a equipe para que todos estejam de acordo e principalmente sejam realistas, pois o desejo é alcançar cada uma o quanto antes. Mas caso tenha sido estabelecido algo impossível, pode gerar o efeito contrário de motivar, como frustrações e descrença.

Os líderes e o empreendedor precisam analisar os indicadores, histórico da empresa, compreender o cenário atual do negócio e considerar as pessoas que estarão em busca da meta, suas especialidades, cargos, funções e experiências dos colaboradores envolvidos.

Vale destacar que todo o plano de metas precisa ser simples e de fácil compreensão, pois, facilitará o gerenciamento e o monitoramento. Caso você não tenha um método para escrever com clareza as metas da empresa ou setor tente definir da seguinte forma:


(Verbo + o que + de x para y + como + até quando)

Por exemplo: Vamos superar + nosso faturamento + de 1 milhão para 2 milhões + mantendo os clientes satisfeitos com NPS acima de 90 + até dezembro deste ano. 

Uma frase simples e clara do que precisa ser atingido, este método foi desenvolvido por Fabiano Zanzin em seu livro Método 4Leis fundamentado em OKRs, NSM e Scrum e tem sido uma base nas nossas construções de metas internas.

3. Defina uma rotina de execução

Ram Charam (um dos principais pesquisadores e escritor sobre plano estratégico e de metas) descobriu que “70% dos planejamentos e metas não saem do papel”. Mas por que isso? Existe uma grande dificuldade de execução, acompanhamento e aprendizado nas equipes, e isso parte principalmente do líder não saber ajudar a equipe em direção dos resultados.

Por isso, recomendamos que após aprovado o plano estratégico e de metas, a equipe seja envolvida para validar, comentar e fazer possíveis ajustes, saindo dessa reunião com um dia marcado para o lançamento desta campanha para apresentar o que precisa ser atingido, o porquê e quantos encontros serão estabelecidos para verificar o avanço.

Na prática recomendamos que as metas fiquem disponíveis em tempo real para todos verem, se possível sejam realizadas reuniões semanais de comitês para debaterem o que avançou, porque não avançaram e o que será feito para buscar um resultado melhor na próxima semana. Deste modo, a equipe estará muito próxima dos indicadores, construindo um banco de aprendizado com erros e acertos, gerando engajando na execução.

Outro ponto essencial, é conhecer a fundo toda a equipe disponível, tanto os seus talentos quanto suas dificuldades. Assim, será mais fácil estabelecer papéis e delegar ações com mais assertividade e funcionalidade para entender as limitações e não exigir o que as pessoas não conseguem executar. Lembre-se de colocar as pessoas certar no lugar certo.

4. Disponibilize os recursos necessários

Outro ponto que liga diretamente às metas da empresa aos seus colaboradores, são os recursos essenciais. Em outras palavras, todo empreendedor e líder precisa oferecer a sua equipe alguns investimentos que vão favorecer ao cumprimento da meta, como, por exemplo: cursos, treinamentos, mentores, ferramentas e equipamentos assim com softwares que facilitarão a sua rotina.

Normalmente as pessoas deixam de batem metas não porque não querem, mas porque não sabem o que fazer ou como fazer para atingir. Portanto faça uma pesquisa mensal: “O que impede de você bater suas metas? Está faltando algum recurso ou conhecimento? Existe algo que a empresa possa lhe oferecer para facilitar isso?

Ao fazer essa pesquisa o líder e a empresa saberão exatamente o que fazer para a equipe estar em melhores condições para atingir os resultados desejados.

 

5. Mostre as vantagens

Por fim, lembre-se que resultados extraordinários, merecem recompensas extraordinárias.

O ser humano é movido a desafios, mas toda vez que encontrar algum ele vai pensar: Será que vale a pena enfrentar ou é melhor fugir para poupar energia? Isso vem da natureza humana, portanto quando a empresa apresenta real vantagens para quem atingir resultados, as pessoas passam a se motivar muito mais.

É assim que um incentivo apresenta o tão sonhado ROI (Retorn on investimento, retorno sobre o Investimento) que o setor financeiro espera. Basta estabelecer um resultado que a empresa precisa atingir e estabelecer que um percentual desse resultado, será o prêmio que a empresa vai entregar. Deste modo o incentivo nunca será um gasto, mas um investimento em resultado.

Em suma, toda a eficiência do plano de metas, corresponde muito ao comprometimento dos funcionários, assim, é necessário que o empreendedor ou líder demonstre o quanto o trabalho em conjunto oferece vantagens em particular a cada profissional. Remuneração adicional, premiações através de metas semanais e reconhecimento, são alguns dos exemplos que podem ser utilizados pelo empreendedor para seus colaboradores. 

E foi por isso que criamos a Weex Pass, através de pesquisas com RHs e funcionários, descobrimos a maneira ideal de engajar com incentivos em viagens e experiências.

Hoje já realizamos isso em diversas empresas ao redor do mundo, com mais de 10 anos de experiência, nosso objetivo é gerar uma experiência memorável a ponto de marcar a vida de quem ganha esse prêmio e promover uma sensação de reconhecimento, bem-estar e até inclusão social, de pessoas que não teriam condição de fazer viagens, mas que com esse incentivo, a empresa pode exercer seu papel.

Conclusão

Em síntese, para o desenvolvimento contínuo de uma empresa, as metas são fundamentais e para alcançá-las, o trabalho em conjunto e o incentivo dos colaboradores que se tornam essenciais. Por isso, traçar um plano eficiente e, em simultâneo, manter as equipes sempre estimuladas são ações que devem andar lado a lado.

Quer saber mais sobre o assunto? Agende agora mesmo uma conversa e saiba como auxiliar o seu RH a trazer experiências memoráveis através de benefícios e incentivos.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.